Lição 3: A entrevista
Christina Scott
3.1 Introdução




Uma entrevista pode impulsionar ou detonar uma matéria. Como entrevistar é uma questão complicada para repórteres de ciência, que precisam lidar com pesquisadores altamente especializados e que estão mais acostumados a dar aulas e escrever para seus pares do que a se comunicar com o grande público.

Isso sem esquecer o medo: muitos cientistas nunca passaram por um treinamento para aprender a falar com a mídia (media training) e receiam que sua reputação seja prejudicada pela cobertura da imprensa, por isso acham as entrevistas muito assustadoras.

Não perca de vista o objetivo principal da entrevista: um leitor, espectador ou ouvinte interessado e curioso.

Preparar-se é importante, mas nem sempre possível. Como formular questões se você não sabe nada sobre o assunto? Como convencer um cientista ocupado e estressado a arranjar tempo para uma conversa? Como fazer com que um estranho fale com você como se fossem velhos amigos? E se suas anotações não traduzirem de forma precisa o que foi dito? Essas são questões importantes de se pensar.

Neste capítulo, você vai trabalhar essas questões. Depois de fazer isso, esperamos que você prepare e conduza entrevistas de uma maneira um pouco diferente...


página principal | próxima