7.13 Respostas das questões (1-5)


Questão 1: Encontrando matérias sobre políticas

A, B, E. Sobre a resposta C, embora um primeiro-ministro possa ser fonte de decisões políticas importantes, é pouco provável que ele ou ela fale sobre isso durante a visita a um orfanato. Sobre a resposta D, a revista sobre matemática teórica tende a ser hermética demais e com a freqüência muito baixa para conter discussões políticas noticiáveis.

Questão 2: Encontrando matérias sobre políticas

Uma possível ordem é: vice-ministro de Saúde, primeiro-ministro, reitor da universidade, diretor da Sociedade Internacional de Microorganismos e ganhador do prêmio Nobel.

Essa ordem supõe que o seu veículo é um veículo genérico do país que sedia o encontro. Embora o primeiro-ministro seja uma figura política importante, pode ser que o campo da ciência seja muito específico. Vice-ministros de Saúde geralmente assumem a responsabilidade por assuntos concretos relacionados à epidemiologia de um país e costumam dar boas dicas de notícias em suas falas. Um reitor de universidade local é mais noticiável do que o diretor da sociedade internacional porque os acontecimentos locais são mais relevantes para a vida do público do que uma organização acadêmica internacional.

Mas é claro que esta não é a única resposta possível. As opções vão depender do seu veículo, da personalidade dos palestrantes e outros fatores.

Questão 3: Encontrando o ângulo de abordagem político

Seja o público-alvo do seu veículo uma audiência geral ou mais científica, é crucial aqui explorar as declarações mais específicas e recentes. Então, entre coisas específicas, você deve selecionar os tópicos mais relevantes para a vida cotidiana das pessoas. Para este propósito, não há nada mais relevante do que a gripe pandêmica da opção B. Além disso, as declarações A e D são muito gerais. A declaração C é um pensamento comum a muitos cientistas, mas poucos expressariam isso abertamente, então, se o cientista em questão o fez, com justificativas, isso seria noticiável para um veículo mais especializado. A declaração E renderia uma matéria interessante, desde que não tenha sido mencionada antes, mas seus leitores provavelmente seriam os cientistas.

Questão 4: Relatando o ângulo de abordagem científico

Para fazer essa matéria, pergunte ao palestrante quando a política será implementada e quanto tempo a proposta deve durar. Se o representante do ministério se recusar a comentar, o que é muito provável, você pode precisar checar com pesquisadores de políticas que estão no evento e podem saber mais sobre a política em questão. Suas perguntas podem incluir o quão provável é que a política entre em vigor e quando e como ela vai afetar o campo da pesquisa. Lembre-se também de identificar no encontro cientistas com ligações internacionais para quem a política é relevante. Sua primeira prioridade é falar com pesquisadores de políticas, mas depois você pode falar com cientistas para obter outros comentários sobre a política proposta.

Questão 5: Lidando com informações delicadas

Os passos B e D são promissores. Para as respostas A e C, é pouco provável que o ministério que apóia o projeto possa ou vá revelar informações mais críticas. Sobre a resposta E, você deve lembrar que as agências das Nações Unidas são sempre muito cautelosas e evitam comentar assuntos dos países, e seus sites provavelmente não destacarão informações críticas sobre questões emergentes de relevância internacional.


página principal Questões (1-5) Respostas (1-5) Exercícios (1–4)